Abrir ou fechar, sair ou ficar?

Uma carreata com a participação de aproximadamente 40 participantes foi realizada ao escurecer de sexta-feira, dia 27. Eram prestadores de serviços e empresários que pediam a reabertura do...

835 0

Carreata ao final da tarde

Uma carreata com a participação de aproximadamente 40 participantes foi realizada ao escurecer de sexta-feira, dia 27. Eram prestadores de serviços e empresários que pediam a reabertura do comércio e o fim das medidas de afastamento social.

A manifestação foi articulada em poucas horas e se deu a partir de informações trocadas por meio de um grupo de interação criado, especialmente para esta finalidade, no Whatsapp.

Manifestações semelhantes já haviam ocorrido em outras cidades do Rio Grande do Sul e um vereador da cidade, que também pretende ser candidato a prefeito, teria incentivado o grupo a redigir um documento para ser entregue à autoridades políticas da cidade na segunda-feira, dia 30.

Confira a carta :

IMG_6547 (Copy)

Confira a live realizada no início do ato: https://www.facebook.com/161935420544218/videos/152926805986210/

Retrato cotidiano da cidade – OPINIÃO

A vida é movimento e uma força que conduz os fluxos dos capitais, os cursos hídricos, o ir e vir dos pedestres e veículos nas vias públicas. Como este fluxo que foi fotografado na manhã de ontem, dia 27, no centro de Santo Ângelo. São aposentados em busca do seu benefício, são pessoas que trabalham em setores essenciais e assim por diante.

Raramente nos opomos ao movimento dominante e seguimos o fluxo da vida, mesmo não concordando com ela. Mas que momento de exceção é este? Se opor ao fluxo? Criar represas? Deixar-se levar pela onda? Abrir comportas?

A vida na concepção de muitos de nos, ainda é cheia de dualidades, esquerda e direita, preto e branco, claro e escuro, certo e errado, empregado e patrão, empresários e povo, abrir ou fechar, ficar em casa ou sair às ruas.

Mas parece que a vida na terra ganha novas variáveis. Elementos desconhecidos entram no jogo do poder e as forças dominantes que geriam o fluxo perdem o controle. O momento é de cautela e equilíbrio, o tempo de culpar partidos e acusar aos políticos parece que chegou ao fim. A hora é de união e de enfrentar a “nos mesmos”. “Amar aos vossos inimigos” como o maior líder espiritual que já veio ao mundo disse.

Centro de Santo Ângelo na manhã de sexta-feira, dia 27. às 10h - Foto - Marcos Demeneghi
Centro de Santo Ângelo na manhã de sexta-feira, dia 27. às 10h – Foto – Marcos Demeneghi
IMG_6543 (Copy)
Antes da carreata os manifestantes se concentraram próximo da Prefeitura de Santo Ângelo, na Rua Antunes Ribas, no lago da Catedral Angelopolitana

IMG_6544 (Copy)

Neste artigo

Participe da conversa