Residencial Vitalle – Um novo projeto voltado para idosos em Santo Ângelo

O Residencial Vitalle é um projeto voltado para idosos e pretende ser referência na oferta de acolhimento humanizado e individualizado em âmbito regional.

1607 2

O Residencial Vitalle é um projeto voltado para idosos e pretende ser referência na oferta de acolhimento humanizado e individualizado em âmbito regional.

Fachada do Residencial Vitalle
Fachada do Residencial Vitalle

Localizado na zona norte de Santo Ângelo, o Residencial Vitalle já agenda visitas para familiares e idosos que tenham interesse em conversar e conhecer a proposta de estadia nesta casa que foi especialmente projetada para atender a demanda de uma instituição de longa permanência. A inauguração foi na última quinta-feira, dia 8.

O projeto já possui prazo para a execução de mais duas unidades em outras cidades da região. Liderado por Juliana Gomes Carvalho e Zaira de Oliveira Dullius, consolida uma trajetória profissional com mais de 15 anos de experiência na área da enfermagem, educação e saúde pública.

As sócias defendem a proposta de uma rotina humanizada e atendimento individualizado, pautada no diálogo com os moradores e principalmente no respeito às particularidades, pois compreendem que são esses detalhes que oferecem o aconchego de um verdadeiro lar. Relataram em entrevista no dia da inauguração, que são raros os exemplos de atendimento individualizado, dada a numerosa quantidade de pessoas que moram nestas instituições, sobrecarregando a rotina dos cuidadores. Inicialmente o Residencial vai ofertar 12 leitos e pretende chegar ao máximo de 27.

“Este espaço foi feito para eles. Aqui nos preocupamos em ter um lugar para tomar sol, descansar à sombra de uma árvore, manter ambientes bem iluminados, já organizamos uma horta elevada e preparamos um cronograma de atividades para manter a ocupação funcional, disse Zaira.

O serviço é efetivado por uma equipe multidisciplinar composta por enfermeiro(a) 24h, médico, nutricionista, fisioterapeuta, assistente social, cuidadores, cozinheira e auxiliar de serviços gerais. “É a realização de um sonho, me emociono em ver esta casa, em saber que podemos cuidar do jeito que eles merecem. Serão nossa família! Disse Zaira ao contar que o projeto é a culminância de uma vida toda de trabalho na área de atendimento em instituições de saúde.

Além da longa permanência, Juliana e Zaira anunciam permanências alternativas como finais de semana e períodos de férias. Oferecem no local, cuidados pós operatórios, oferta de alimentação balanceada, atividades físicas, reabilitação, atividades lúdicas e socioculturais, oficinas direcionadas, entre outros.

Contados e agendamento de visita pode ser feito pelo telefone – 55 9 9986 9964 (Juliana) 55 9 9679 5046 (Zaira).

Um dos espaços externos
Um dos espaços externos

IMG_9183-4 (Copy) IMG_9174 (Copy) IMG_9239 (1) (Copy) IMG_9229 (1) (Copy) IMG_7977 (Copy)

União de capacidades e sonhos

A enfermeira Zaira de Oliveira Dullius nasceu em Minas Gerais, cresceu em Aracajú, Sergipe, mas já está no Rio Grande do Sul há 10 anos, sendo que oito deles, atuando em um lar de idosos na cidade de Cerro Largo. Antes disso, atuou em unidades de terapia intensiva, centros cirúrgicos, pronto socorro e maternidades. “Percebi que aqui na região existe uma demanda e, ao mesmo tempo, faltam espaços especializados para os idosos, foi então, que conheci a Juliana e resolvemos tirar este projeto do papel, pois nossos objetivos eram muito semelhantes” contou a empreendedora.

Juliana Gomes Carvalho é formada em enfermagem há mais de 15 anos, tem especialização em saúde pública e mestrado em educação. Trabalha há 12 anos em Guarani das Missões no setor de saúde pública e possui experiência de três anos em lares de idosos. Mesmo antes de conhecer a Zaira, compartilhava do mesmo ideal. A enfermeira conta que também percebeu a falta de uma casa de longa permanência com atendimento diferenciado, capaz de inspirar a permanência de um familiar próximo. O encontro destas profissionais ocorreu por conta de uma reunião para tratar sobre a pandemia, compartilharam sonhos e resolveram unir as energias para materializar o Residencial Vitalle.

Juliana Gomes Carvalho e Zaira de Oliveira Dullius
Juliana Gomes Carvalho e Zaira de Oliveira Dullius
Neste artigo

Participe da conversa

2 comentários

  1. Roseli de Fátima endler Responder

    Boa parabéns pelo trabalho. Sou enfermeira me chamo Roseliendler8@Gmail.com gostaria de trabalhar neste local como enfermeira ou como cuidadora também. Aguardo

  2. Rafaela Lirio Barz Responder

    Um clinica excelente, Sou técnica de enfermagem me chamo Rafaela Lirio Barz e gostaria de trabalhar como cuidadora, para mais contato 984467785 aguardo!