A Turma do Dionísio adapta espetáculo para apresentar no Youtube

Na próxima segunda-feira será disponibilizado o vídeo “Fazendo Bonecos”. Uma oportunidade para quem gosta da arte de bonecos, pois será veiculado um passo a passo para confecção deste...

311 0
Maristela Marasca e Jerson Fontana - Foto: Divulgação do Grupo de Teatro A Turma do Dionísio
Maristela Marasca e Jerson Fontana – Foto: Divulgação do Grupo de Teatro A Turma do Dionísio

O Projeto “Teatro, Bonecos e Livros” da Turma do Dionísio apresenta no Youtube uma série de audiovisuais elaborados com técnicas de teatro em que atores, bonecos, literatura e música contam histórias de um modo lúdico. O roteiro é de Maristela Marasca, direção de Jerson Fontana e música de Renato Fontana. Estes episódios foram elaborados durante as medidas de distanciamento social e têm o incentivo financeiro do Fundo Municipal de Cultura de Santo Ângelo – Edital Multiartes, Cidade dos Anjos.

A estreia das exibições foi na quarta-feira, dia 25, com o vídeo “Contando Histórias”. Na quinta-feira, dia 26 foi a vez de “Contando Histórias – Acessibilidade” e na próxima segunda-feira será disponibilizado o vídeo “Fazendo Bonecos”. Uma oportunidade para quem gosta da arte de bonecos, pois será veiculado um passo a passo para confecção deste recurso artístico.

Parte dos vídeos veiculados foi adaptado do espetáculo “Contando Histórias” elaborado para os palcos, o acesso é possível pelo Canal do Youtube – “Grupo de Teatro a Turma do Dionísio”. O Grupo atua há 34 anos com apresentações em várias cidades e estados brasileiros, inclusive, apresentações internacionais, na França, Polônia, Itália, Ucrânia, Bolívia e Argentina. Para acompanhar o trabalho do grupo é possível se inscrever no canal e receber as notificações de postagens.

Jerson Fontana explica que estava acostumado aos palcos, onde, em várias cenas, ocorre a interação com a plateia, neste sentido, foram necessárias adaptações para o novo formato de apresentação na internet, pois a peça possui cenas com movimentos intensos e neste sentido foram adaptadas para à linguagem audiovisual. Além das diferenças que ocorrem ao nível da interação, o enquadramento da câmara e limites técnicos exigiram adaptações nas técnicas de apresentação da “Turma”.

Neste artigo

Participe da conversa