A horta urbana do Luiz Elias Costa

Luiz Elias Costa transformou o quintal de casa em uma horta lucrativa. Este bancário aposentado completará 70 anos em 2018 e esbanja saúde e entusiasmo ao explicar o...

319 0

Luiz Elias Costa transformou o quintal de casa em uma horta lucrativa. Este bancário aposentado completará 70 anos em 2018 e esbanja saúde e entusiasmo ao explicar o sistema que projetou para cultivar hortaliças.
O sistema de cultivo deste santo-angelense está em harmonia com a natureza e otimiza o trabalho. Luiz Elias Costa usa água da chuva para irrigação, os restos de folhas e materiais orgânicos diversos para fertilizar a terra, tábuas para nivelar os canteiros, palanques de madeira para sustentar uma tela de sombreamento, que além de proteger do excesso de sol, também protege da geada, do granizo, do “assalto” de pardais e dos ventos fortes.
Embora o sistema, aparentemente seja simples, acumula 20 anos de experiência. Luiz Elias Costa deixou o cargo de Gerente Geral da Caixa Econômica Federal no ano de 1997, um ano mais tarde, realizou um “sonho antigo”, adquiriu uma chácara para cultivar hortaliças, mas depois de iniciar o trabalho, investir no negócio, que também incluía a piscicultura, resolveu colocar os prós e contras na balança. Por fim, depois de ocorrências de furtos em sua chácara, decidiu investir na horta urbana.
Ele possui uma cisterna com capacidade para acumular 45 mil litros de água da chuva captados do telhado de sua residência, fixada em um terreno de 20×66. Todos os métodos utilizados no sistema produtivo, bem como os materiais foram testados ao longo dos anos até obter uma metodologia que resultou em redução de custos e otimização do tempo de trabalho.
A horta urbana resolveu questões como o escoamento da produção, segurança e a escala mais adequada para a mão de obra disponível, nosso produtor trabalha sozinho e gasta 2h diárias para a manutenção dos cultivares, soma-se a este tempo mais duas 2h30min gastos nas segundas e quintas para colher e preparar os legumes que serão entregues a domicílio, ele mesmo faz a entrega e soma-se 2h30min nas duas vezes que sai todas as semanas.
Além disso, o sistema produtivo da horta urbana do Costa permite obter um produto com valor agregado maior, pois é livre de produtos químicos, totalmente orgânica destinada a um público fiel, profissionais liberais como advogados, médicos, amigos que estão em busca de qualidade de vida ingerindo produtos mais saudáveis.
Costa já produziu húmus de minhoca para usar no cultivo, mas hoje reduziu o trabalho colocando diretamente na terra as sobras dos legumes, folhas, restos orgânicos da cozinha para que a própria terra faça o processo de compostagem. Vira a terra com o material orgânico e o único composto que usa leva cal virgem e calcário de conchas de ostras.
A horta urbana do Costa produz e entrega produtos como tomate cereja, chicória, cebolinha, salsa, almeirão (pão e açúcar), alface, cenoura, rúcula, beterraba, rabanete, entre outros.

 

Horta do Luiz Elias Costa - irrigação 2 (Copy) Horta do Luiz Elias Costa - irrigação (Copy) Horta do Luiz Elias Costa 3 (Copy) Horta do Luiz Elias Costa 4 (Copy) Horta do Luiz Elias Costa - Estufa para cultivo de tomate cereja (Copy)

Neste artigo

Participe da conversa