Golpe no saque do FGTS atinge trabalhadores de Santo Ângelo

Somente na Delegacia de Polícia Federal em Santo Ângelo já foram registrados mais de 150 boletins de ocorrência. Trabalhadores alegam que ocorreu o sumiço do valor de R$...

218 0

Somente na Delegacia de Polícia Federal em Santo Ângelo já foram registrados mais de 150 boletins de ocorrência. Trabalhadores alegam que ocorreu o sumiço do valor de R$ 1.045,00 referente ao saque emergencial do FGTS, liberado para os trabalhadores – com fundo disponível – em razão da pandemia do novo coronavírus.

Delegada de Polícia Federal - Gabriela Madrid Aquino - Foto: Marcos Demeneghi
Delegada de Polícia Federal – Gabriela Madrid Aquino – Foto: Marcos Demeneghi

Ocorrências envolvendo fraudes cibernéticas começaram a se avolumar nos últimos 15 dias na delegacia de Polícia Federal em Santo Ângelo. Com a abrangência regional de 97 municípios, a Delegada Grabriela Madrid Aquino percebe o crescimento da atuação de quadrilhas especializadas em lesar as pessoas recentemente incluídas no Sistema Bancário Nacional. Para operacionalizar o saque emergencial do FGTS, a Caixa Econômica Federal criou automaticamente contas digitais em nome dos trabalhadores e, no meio deste processo, muitos caem em armadilhas tecnológicas que já estão sendo investigadas em Brasília.

“Estamos recebendo diuturnamente novas ocorrências referentes a saques fraudulentos do FGTS”, confirmou a Delegada, ao explicar que este tipo de crime é praticado por quadrilhas especializadas em fraudes cibernéticas. Os usuários dos aplicativos da Caixa caem em armadilhas tecnológicas e perdem o valor do benefício. Gabriela informou que ainda não há uma conclusão do modus operandi das quadrilhas e que todos os processos investigativos estão centralizados em Brasília. “Lá nos temos um time de espertos com conhecimento suficiente para investigar este tipo de ação”, conclui a delegada ao confirmar o aumento do número de fraudes na região.

O Saque Emergencial da conta do FGTS é autorizado pelo trabalhador por meio de um aplicativo chamado “CaixaTem”. Parte do dinheiro do Fundo de Garantia – no teto de R$ 1045,00 – é depositado em uma conta poupança digital criada automaticamente pelo sistema da caixa, e o valor pode ser utilizado para pagar contas, fazer transferências e também para saque, conforme um calendário criado pela instituição. Neste trâmite entre a autorização e a possibilidade de sacar o dinheiro, muitos trabalhadores nem percebem que foram vítimas.

O trabalhador que se sentir lesado deve procurar uma agência da Caixa Econômica Federal para se certificar da real ocorrência de fraude. Uma vez detectando o problema, a própria Caixa encaminhará o processo. A delegada explica que há uma cooperação entre os dois órgãos de governo e um trabalho conjunto – Caixa e Polícia Federal – para investigar e descobrir quem são os fraudadores e como eles operam. Quem não se sentir seguro pode, ainda, realizar a ocorrência na Polícia Federal, informou a delegada.


Saque emergencial

A partir deste sábado (31/10), os trabalhadores nascidos em setembro e outubro poderão sacar em espécie ou transferir valores do Saque Emergencial do FGTS. Serão aproximadamente 10,2 milhões de trabalhadores, que poderão movimentar R$ 6,4 bilhões em valores nesta etapa.
Os trabalhadores poderão realizar o saque em espécie nas unidades lotéricas e correspondentes CAIXA Aqui a partir do sábado (31/10) e nas agências da CAIXA a partir da próxima terça-feira (03/11).

Como sacar – Para realizar o saque, é preciso fazer o login no aplicativo, selecionar a opção “saque sem cartão” e “gerar código de saque”. Em seguida, o trabalhador deve inserir a senha para visualizar o código de saque na tela do celular, que tem validade de uma hora. O código deve ser utilizado nos caixas eletrônicos da CAIXA, nas unidades lotéricas ou nos correspondentes CAIXA Aqui. A transferência dos valores pode ser feita diretamente pelo aplicativo CAIXA Tem para outras instituições financeiras, sem custos.

Alerta – A CAIXA não envia mensagens com solicitação de senhas, dados ou informações pessoais. Também não envia links ou pede confirmação de dispositivo ou acesso à conta por e-mail, SMS ou WhatsApp.

Quem não recebeu na data prevista – Para receber o Saque Emergencial FGTS, é preciso estar com os dados cadastrais atualizados. Os trabalhadores que ainda não receberam devem acessar o aplicativo FGTS, complementar os dados cadastrais e solicitar a abertura da conta Poupança Social Digital. O valor e a data do crédito são informados em seguida.

Neste artigo

Participe da conversa