Santo Ângelo é considerado infestado pelo Aedes aegypti

Todos os municípios com casos autóctones de Dengue são considerados infestados pelo Aedes aegypti. Até o dia 15 de agosto de 2020, 198 municípios das 19 Coordenadorias Regionais...

168 0

Todos os municípios com casos autóctones de Dengue são considerados infestados pelo Aedes aegypti. Até o dia 15 de agosto de 2020, 198 municípios das 19 Coordenadorias Regionais de Saúde notificaram casos suspeitos de dengue e 16 delas registraram casos autóctones no estado, entre eles, Santo Ângelo

Foto - Raul Santana|Fiocruz
Foto – Raul Santana|Fiocruz

Dos casos autóctones 77,1% correspondem a moradores dos municípios Santa Maria (4ª CRS), Cerro Largo e Santo Ângelo (12ª CRS), Venâncio Aires (13ª CRS), Santa Rosa e Santo Cristo (14ª CRS), Constantina e Coronel Bicaco (15ª CRS), Palmitinho e Três Passos (19ª CRS).

O RS teve 6 óbitos de Dengue, sendo dois (2) em Santo Ângelo (12ª CRS), um (1) em Venâncio Ares (13ª ) e três (3) em Santo Cristo(3) (14ª CRS).

Na série histórica de 2010 a 2020*, observa-se que o ano de 2020, superou o número de autoctonias desde 2010.

Comparando a curva dos anos de 2015, 2016, 2019 e 2020, anos em que o RS detectou maior numero de autoctonias, as curvas vinham mantendo-se semelhantes, porém no ano de 2020, entre as SE 13 a 15, houve um aumento significativo nos casos de dengue autóctones.

A Secretaria Estadual de Saúde do Rio Grande do Sul (SES/RS), por meio do Centro Estadual de Vigilância em Saúde (CEVS/RS) registrou até a Semana Epidemiológica “SE 33” de 02/08 a 15/08, 6.046 casos suspeitos de Dengue, 3.549 casos confirmados, sendo 3.266 casos autóctones, 2.077 foram descartados, 314 inconclusivos e 106 continuam aguardando investigação.

Neste artigo

Participe da conversa