A Vila do Coelho e a alegria das Crianças

A estrutura montada na Praça da Catedral é composta pela Casinha do Coelhinho, tocas, ornamentos e possuí até bancos, que retratam a simbologia da data comemorativa da Páscoa,...

314 0

Vila do coelho (43)Uma parte do Centro Histórico Municipal de Santo Ângelo transformou-se neste mês de março, na morada do Coelho da Páscoa. “A Vila do Coelho” diariamente, atraí crianças e adultos que visitam o local.
A estrutura montada na Praça da Catedral é composta pela Casinha do Coelhinho, tocas, ornamentos e possuí até bancos, que retratam a simbologia da data comemorativa da Páscoa, que neste ano acontece no domingo, dia 1º de abril. A “Vila do Coelho” foi projetada e executada pelo artesão João Escobar.
Diariamente o local ainda recebe atividades artísticas e a Caravana do Coelho, da Peppe Company – Companhia Artística. Nesta quarta-feira, dia 21 às atividades ocorrem das 9h às 11h30min. Na quinta-feira, feriado de aniversário do município, às atividades serão realizadas em dois horários, das 9h às 11h30min e das 15h às 18h.
Até a Páscoa, às apresentações acontecem durante a manhã e tarde. Além disso, também estão programados passeios da Caravana do Coelho e visitas ao comércio local.

DE ONDE SURGIU A TRADIÇÃO
A Páscoa é uma celebração da igreja cristã em homenagem a ressurreição de Jesus Cristo. De acordo com o calendário cristão, a Páscoa consiste no encerramento da chamada Semana Santa.
As comemorações referentes à Páscoa começam na “Sexta Feira Santa”, onde é celebrada a crucificação de Jesus, terminando no “Domingo de Páscoa”, que celebra a sua ressurreição e o primeiro aparecimento aos seus discípulos.
Uma das representações da Páscoa é o coelho. A sua relação com a data foi definida historicamente a partir da representação que este animal possuía para diversos povos antigos, como símbolo da esperança na renovação da vida. Para os cristãos, o coelho seria uma das representações da ressurreição de Jesus Cristo.

Neste artigo

Participe da conversa