Melhorias no 11° Comando Regional dos Bombeiros

686 0

Acontece hoje, dia 5, a solenidade de apresentação das melhorias das dependências do 11° Comando Regional de Bombeiros (11º CRB), que tem como seu comandante o major Eglacir Joel Oliveira Chaves. Na oportunidade serão entregues ainda uma viatura de resgate/salvamento e equipamentos de proteção individual, adquiridos com recursos destinados pelo Ministério Público do Trabalho em Santo Ângelo. Além disso, será disponibilizado uma torre com equipamentos para treinamento destinada por comodato, e alusiva a reforma e revitalização realizada no aquartelamento do 11º CRB. Além das autoridades locais, amigos e colaboradores está confirmada a presença do Coronel Eviltom Pereira Diaz, Comandante do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio Grande do Sul.

Aquisições
O Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio Grande do Sul, tem como atribuição constitucional as atividades de prevenção e combate a incêndio, busca e salvamento e a execução de atividades de defesa civil. Nesse sentido, visando auxiliar com meios materiais para que possa realizar essas atividades com eficácia, o Ministério Público do Trabalho em Santo Ângelo, na pessoa do então procurador Roberto Portela Mildner, mediante processo, destinou recursos, oriundos da aplicação de multas pelo descumprimento da legislação trabalhista, ao FUNREBOM para aquisição de viatura Sprinter tipo furgão adaptada para o serviço de resgate e salvamento no valor de R$ 170 mil, três conjuntos de aparelho de respiração autônoma, no valor de R$ 20.820,00, 23 conjuntos de roupa de aproximação e combate a incêndio no valor de R$ 98.090,00, totalizando um investimento de R$ 288,910,00.
Também visando qualificar o efetivo através da realização de instruções e treinamentos em altura, foi firmado um contrato de comodato, através do qual o senhor Adão Donato Masera – 1º tenente R1 do Exercito Brasileiro e proprietário da academia de aventura e esporte na natureza, destina ao 11º CRB, uma torre metalica de 17 metros de altura ( composta de peças de andaime e 10 (dez) placas de composite naval de 1,60 x1,50, contendo em cada uma 27 agarras distribuídas em 05 (cinco) vias com grau de dificuldades e cores diferentes para a pratica de escalada in door e treinamento em altura. A torre foi instalada às custas do comodante, sendo que acompanha o objeto principal, 53 itens de diferentes materiais e equipamentos, os quais estão expostos na mesa ao lado. o equipamento corresponde ao valor de R$ 34.840,00.

Reforma e revitalização
Tendo em vista que o prédio foi construído para abrigar uma seção de combate a incêndio, instalada em 1975, e que com o passar dos anos e com o consequente crescimento de Santo Ângelo e região passou a sediar um Sub-grupamento de combate a incêndio, e mais recentemente, a partir de 2007, o 11º Comando Regional de Bombeiros, que fora criado e instalado em Santo Ângelo, em 2002, com a expectativa de que fosse construído um prédio próprio ao lado do Corpo de Bombeiros. Porém, como isso não ocorreu, fez-se necessário adequá-lo a realidade atual, através de ampliações, adequações e reformas para melhor atender a comunidade, bem como revitalizar a estrutura antiga, e oportunamente, no momento em que ocorre a independência do Corpo de Bombeiros do Estado do Rio Grande do Sul, neste ano de 2014, através de emenda constitucional nº 067 de 17 junho 2014. Foi pintado de vermelho e amarelo dentro dos padrões e da identidade da nova corporação.

Homenagens
O Comandante do CCB– Cel Eviltom e o Comandante do 11º CRB major Chaves, como forma de agradecimento e para materializar e registrar o reconhecimento da instituição as pessoas e/ou entidades que nos últimos anos participaram efetivamente da construção da historia e das conquistas do corpo de bombeiros de Santo Ângelo e região, fará a entrega da Comenda do Corpo de Bombeiros do Estado do Rio Grande do Sul. Na ocasião, como forma de reconhecimento, serão elogiados as praças, responsáveis pelas licitações dos bens adquiridos e pelo acompanhamento direto das reformas realizadas no aquartelamento.

Neste artigo

Participe da conversa