Cooperativados da Ecos do Verde conquistam novas instalações

Na sede da Cooperativa Ecos do Verde foi inaugurado um refeitório, uma cozinha e novos sanitários. A obra já foi concretizada e inaugurada pelo Governo Municipal na última...

49 0

Na sede da Cooperativa Ecos do Verde foi inaugurado um refeitório, uma cozinha e novos sanitários. A obra já foi concretizada e inaugurada pelo Governo Municipal na última sexta-feira, dia 07, com recursos do Fundo de Gestão Compartilhada, na ordem de R$ 175 mil. A ampliação e adequação foi realizada em uma área de 300 metros quadrados localizada junto ao Aterro Sanitário de Santo Ângelo e segundo o secretário do Meio Ambiente, Francisco da Silva Medeiros, o local também receberá a instalação de uma balança, vestiários e adequações físicas no pavilhão de triagem, uma antiga aspiração dos associados.
A presidente da Ecos do Verde, Martina Nicoletti, afirmou que o pavilhão onde funciona a triagem de materiais foi construído com recursos da própria cooperativa há cerca de duas décadas e sempre funcionou de modo precário. “Era um desejo antigo oferecer um local melhor para que os cooperativados façam suas refeições e um ambiente melhor para o trabalho. Agora estamos sendo atendidos”, disse. Conforme Martina, a cooperativa tem hoje 36 associados, sendo 22 atuando na separação de resíduos no aterro sanitário e 14 na sede.
A promotora de Justiça Especializada de Santo Ângelo, Paula Regina Mohr, considerou as obras como um grande avanço. “Estamos dando um pouco de dignidade ao trabalho destas pessoas que atuam na separação de resíduos. É o início de uma nova etapa”. Para a promotora ainda é preciso avançar muito na questão da coleta seletiva, com a comunidade aprimorando seus métodos de separação do lixo para facilitar o trabalho dos cooperativados, além de representar economia para o município no transporte dos rejeitos para Giruá.
Durante a inauguração, o prefeito Jacques Barbosa destacou o diálogo com o Ministério Público nas questões ambientais e de direito da população e considerou a obra como importante para a qualidade de vida dos trabalhadores que prestam serviços relevantes ao meio ambiente e, por extensão, à sociedade.
A solenidade contou com a presença do deputado Eduardo Loureiro, do secretário municipal de Obras e Serviços Urbanos Diórlan Zanetti, e direção e trabalhadores associados à Cooperativa Ecos do Verde.

Neste artigo

Participe da conversa