Urutau proporciona cena rara em Santo Ângelo

Praticamente imóvel e aparentemente indiferente ao movimento, o pouso de um Urutau não passou despercebido em um cruzamento urbano de Santo Ângelo. A curiosa ave quase não é...

183 1
Urutau 02
Segundo o site Wiki Aves, o Urutau é uma ave noturna restrita às regiões mais quentes da América. O animal quando adulto mede entre 33 e 38 centímetros de comprimento e pesam entre 145 e 202 gramas. No país, o pássaro é localizado mais facilmente na região sudeste e em lugares de clima quente. O Urutau alimenta-se de insetos, em especial mariposas, cupins e besouros, o qual caça em voo. Geralmente o animal voa de boca aberta, o que facilita a captura da presa. Põe um ovo, em cavidades de tocos ou galhos, a poucos metros acima do solo, incubando-o por cerca de 33 dias. O filhote permanece no ninho em torno de sete semanas.

Nem mesmo o movimento de veículos e pessoas foi capaz de assustar o estático Urutau, que pousou na placa de sinalização da esquina da Avenida Brasil e Rua Antunes Ribas na última segunda-feira, dia 4. A camuflagem e a beleza do pássaro que permaneceu durante a luz do dia em um dos locais mais movimentados da cidade.

O comportamento do urutau despertou a curiosidade dos pedestres e moradores, que aproveitaram para fotografar e apreciar o pássaro que raramente é visto na região, tendo em vista seu hábito de viver em regiões quentes, ele também dificilmente é visto em zonas urbanas.

O Urutau permaneceu sobre a placa de identificação do cruzamento durante a luz do dia e ao escurecer foi embora. A ave confia tanto na sua camuflagem que não se assusta facilmente, deixando inclusive que humanos e outros animais se aproximem. Em seu Habitat natural, o Urutau é difícil de ser observado, pois normalmente se passa por um pedaço de madeira, um galho de árvore, pedras ou mesmo por troncos partidos.

Conhecido também como Mãe-da-Lua, Pássaro Fantasma e Emenda-Toco, o Urutau é admirado por moradores rurais por simbolizar força e pela forma como se protege dos perigos.

O canto triste e melancólico do animal figura entre várias lendas.
Para alguns sertanejos, o Urutau aparece na hora em que a lua nasce e seu canto triste se assemelha a um: “foi, foi, foi”. Para alguns guaranis o canto do animal traz notícia dos antepassados.

Outras lendas contam que o pássaro seria uma mulher que perdera seu amor e vaga nas florestas cantando. Em tupi significa “ave fantasma”. Há uma crendice na Amazônia de que as penas da cauda do pássaro protegeriam a castidade. Por isso, a mãe varre as redes das meninas com uma vassoura confeccionada com estas penas. Na região missioneira, alguns populares acreditam que o pássaro trás anúncio de calor e pouca chuva.

Urutau

 

 

Fotos:Silvânia Antunes  e Marcos Demeneghi

Reportagem: Michael Garcia

Edição: Marcos Demeneghi

Neste artigo

Participe da conversa

1 comentário

  1. Dimas Guerra dos Santos Responder

    Fotografia de Dimas Guerra dos Santos, passei a mão nas penas de sua calda e ele abriu os olhos, todas as fotos do URUTAU com os olhos aberto foi eu quem capturou, trabalho na Farmácia em frente.