Faixa elevada é instalada nas proximidades do Colégio Sepé e do IESA

A obra era uma antiga reivindicação da comunidade que reside ou circula nas proximidades. Estima-se que passam diariamente naquele local mais de duas mil pessoas

93 0

2966340dfafb26c2bdad18e6282b944b270c67a6Uma antiga reivindicação da comunidade residente na zona sul do município foi atendida. Na manhã da quarta-feira, dia 19, o Departamento Municipal de Trânsito (DMT) iniciou a instalação de uma faixa elevada nos dois sentidos da Avenida Getúlio Vargas, em frente ao IESA.
Segundo o vereador Lauri Juliani, que esteve no local acompanhando a instalação da faixa, a obra é uma antiga reivindicação da comunidade escolar, que teme pelo grande fluxo de veículos e pedestres, principalmente nos horários de entrada e saída dos alunos.
“Todos sabemos que o local conta com uma grande movimentação devido ao fluxo de alunos tanto do Colégio Sepé, quanto do IESA. Por diversas fezes na legislatura passada procuramos a Prefeitura para que fosse implantado algum mecanismo de segurança no local, porém, infelizmente, não tivemos êxito”, comentou Lauri.
Para o vereador, a ação agora efetivada representa segurança e colabora para o fortalecimento do conceito de que o pedestre deve ser o principal agente no circuito da cidade em relação à mobilidade.
No local, os trabalhos também foram acompanhados pelo Diretor do DMT, Gerson Rodrigues e pelo Diretor do IESA, professor Gilberto Kerber.
A estimativa é de que, diariamente, mais de 2 mil pessoas circulem pelo local. “Sabemos que as faixas elevadas diminuem significativamente o risco de acidentes, por isso agradecemos ao Departamento Municipal de Trânsito que atendeu nossa solicitação”, finalizou Lauri Juliani.

Neste artigo

Participe da conversa