22 anos e mais de 2 mil edições…

Atualmente, o impresso é um dos mais tradicionais do interior do estado e é pautado pela imparcialidade de seus conteúdos e forte atuação no jornalismo social

593 0

DSC_0264 (Copy)O Jornal O Mensageiro completa 22 anos neste sábado e durante essas mais de duas décadas, tem levado a “realidade dos fatos” para os leitores de Santo Ângelo e de toda a região.
Atualmente, o impresso é um dos mais tradicionais do interior do estado e é pautado pela imparcialidade de seus conteúdos e forte atuação no jornalismo social. Nas 2.097 edições impressas do Mensageiro até hoje, foram apresentados, com seriedade e credibilidade, os assuntos destaques em áreas como infraestrutura, educação, agricultura, saúde, política, esporte, meio ambiente, segurança, entre outros.
O jornal também é composto pelos cadernos BS Magazine, Briefing Social, Viver Bem e Educação. no JOM ainda são produzidos cadernos em homenagens a datas especiais, como o Dia da Mulher e as tradicionais revistas O Mensageiro, que levam o nome do jornal e já se encaminham para a 53ª edição.
Além disso, desde 2018, o Jornal está sob a direção do Jornalista Amauri Lírio, que, ao lado de Carlos Miguel Scholl e Milton Piltz, assumiu o comando da “Empresa Jornalística JOM LTDA”, a nova detentora da marca “O Mensageiro”.

O Início
O Mensageiro foi fundado em 2 de Fevereiro de 1997, como uma nova opção de informação para leitores locais. O novo jornal foi idealizado e fundado pelos empresários Arlindo Diel e Milton Piltz.
Os anos se passaram, o jornal cresceu, e nas páginas foi escrita uma parte da história de Santo Ângelo e das Missões.
Com a forma de apoiar o que é feito aqui, o jornal conquistou o respeito nesta área, com impressões de alto padrão, atendendo os mais exigentes clientes.
Atualmente O Mensageiro está localizado na Avenida Brasil, bem no Centro de Santo Ângelo e está de portas abertas para receber a comunidade que busca o desenvolvimento do município e esclarecimentos dos fatos de forma conciliadora.

Neste artigo

Participe da conversa