A história viva da família Lucca e Anversa

Um livro que será lançado em agosto resgata a história de descendentes italianos vindos para o Brasil no século XIX. A história da família Luca e Anversa nas...

164 0

Família Lucca (Copy)Descendentes da família Lucca e Anversa se reunirão em quarto de agosto no Balneário Parque das Fontes em Entre-Ijuís para o “3º Incontro della famiglia Lucca”, além de promover a confraternização, os encontros ajudam a preservar as raízes culturais desta família que veio da Itália para o Brasil no ano de 1877/78.
Primeiramente os Lucca/Anversa se instalaram na Quarta Colônia de Silveira Martins e mais tarde, em 1928, familiares vieram para a localidade de Sossego em Santo Ângelo. Durante o evento será lançado o Livro: “Luca e Anversa” editado por Celeste Lucca e Sueli Trezinha Lucca Pizutti.
A obra é uma síntese de mais de 1105 folhas datilografadas, fotos mapas e anotações deixadas por Celeste Lucca (falecido no ano de 2014 com 94 anos). Celeste organizou a árvore genealógica de varias famílias italianas chagadas ao Brasil no século XIX e XX.
Terezinha Lucca Pizutti é filha deste historiador nato e recebeu este material como herança, recentemente fez uma compilação do material e o recorte para editar a história desta família, originando a obra “Lucca e Anversa” que será lançada durante este evento familiar.
Sueli conta que na obra é possível encontrar ricos relatos da cultura e costumes vivenciados por estes precursores. Ela afirma que alguns casais migraram da Quarta Colônia localizada na Linha Duas Norte e no Sítio Mello de Silveira Martins para Santo Ângelo, pois já não haviam terras suficientes para abrigar todas os membros da família de Pietro Lucca e Guerino Lucca, foi então que vieram para a Vila Comandaí, dentre estes filhos, Julio Lucca e Cecília Anversa Lucca. Segundo a autora o Distrito Sossego guarda a história viva da Família Lucca nas Missões.

Evento de lançamento do livro
O lançamento da obra Lucca e Anversa será no dia 4 de agosto, às 9h30min no Centro Municipal de Cultura de Santo Ângelo, situado na Rua Três de Outubro. O evento ocorre concomitantemente a abertura da Semana Cultural do Município.
O livro traz ‘‘causos’’ contados pelos antigos, os costumes da época, bem como as motivações que trouxeram estes imigrantes para o Brasil e posteriormente para a Região das Missões. Segundo os autores do livro o Distrito Sossego abriga a história viva da família

Neste artigo

Participe da conversa