As férias de julho na rede pública de educação

O retorno será em 30 de julho, portanto, os alunos terão 11 dias corridos de descanso, contando sábados e domingos.

81 0

DSC_0365 (Copy)Inicia amanhã, dia 19, o recesso escolar dos alunos da rede Estadual de Educação. O retorno será em 30 de julho, portanto, os alunos terão 11 dias corridos de descanso, contando sábados e domingos. A regulamentação das férias de inverno já estava prevista desde o dia 21 de fevereiro, conforme o decreto n° 53.925, que oficializou o Calendário Escolar na rede pública estadual. Portanto as férias ocorrem entre os dias 19 e 29 de julho.
Já os professores, nos dias 19 e 20, participarão de uma Jornada Pedagógica. A Jornada será descentralizada e ocorrerá em cada uma das 38 escolas de abrangência 14ª CRE – Coordenadoria Regional de Educação. Na jornada os professores, diretores e coordenação estudarão, discutirão a “Base Comum Curricular, com foco nas especificidades pertinentes ao Rio Grande do Sul”.
Cada escola estará trabalhando para formatar novos planos de estudo, adequados ao novo currículo e até o segundo semestre de 2018 serão formulados e apresentados a 14ª CRE.
Os diretores e coordenadores pedagógicos já participaram de um encontro ocorrido no dia 5 de julho para discutir a BNCC. Na jornada pedagógica serão multiplicadores do conhecimento junto aos professores.

Rede Municipal

Na Rede Municipal de educação o recesso escolar iniciou no dia 16 e segue até o dia 29. O segundo semestre de 2018 iniciará em 30 de julho, uma segunda-feira.

Formação continuada
No dia 16 a Secretaria Municipal de Educação, promoveu nos turnos da manhã e tarde, Formação Continuada para os Profissionais da Educação Infantil e Ensino Fundamental.
No turno da manhã a formação foi destinada aos profissionais que atuam na Educação Infantil, etapa essa onde as aprendizagens e o desenvolvimento das crianças têm como eixos estruturantes as interações e a brincadeira, assegurando-lhes os direitos de conviver, brincar, participar, explorar, expressar-se e conhecer-se.
Já no turno da tarde a formação foi destinada aos profissionais do Ensino Fundamental etapa mais longa da Educação Básica, com nove anos de duração e atende alunos entre 6 e 14 anos.
O tema contextualizado durante a formação foi referente a “Base Nacional Comum Curricular” e esteve a cargo do Sr. Diego Lutz, Mestre em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

Neste artigo

Participe da conversa