“Um lugar para sentir”

Equipes da Estação Filmes estão em Santo Ângelo e região para captar conteúdo áudio visual para compor uma série intitulada “Um Lugar para Sentir. Ontem a noite, no...

151 0
A produtora acompanhou turistas no Caminho das Missões
A produtora acompanhou turistas no Caminho das Missões

Santo Ângelo está no roteiro da série “Um Lugar para Sentir”, que está sendo gravada pela Estação Filmes e que será exibida pela TVE gaúcha. Equipes de gravação da série estão na cidade, quando acompanharam o roteiro pelo Caminho das Missões encerrando com jantar no CTG 20 de Setembro, onde aconteceu o 1º Encontro Campeiro da Cultura Gaúcha Missioneira.
Diversos artistas participaram da programação que foi insentivada pelo Governo Municipal através da Secretaria de Turismo, Esportes, Lazer e Juventude, com apoio da Academia Santo-angelense de Letras – ASLE, entidades tradicionalistas, Caminho das Missões e artistas da terra.
A atividade artistica e cultural iniciou às 19h30min, no CTG 20 de Setembro, e foi apresentada pelo tradicionalista Valter Portalete.
De acordo com o secretário de Turismo Vando Ribeiro de Souza, o evento encerra a gravação do programa Um Lugar Para Sentir.
Ele destaca que a Estação Filmes vem produzindo 26 programas no Estado, para um especial que será reproduzido pela TVE. A gravação inclui roteiro pelo Caminho das Missões, e pontos turísticos considerados fundamentais para a região, encerrando como uma grande integração entre entidades culturais, tradicionalistas e artistas da terra.
“Queremos mostrar o roteiro missioneiro, nossa cultura, nossa gastronomia típica, enfim, o que temos de melhor para bem receber nosso turista”, disse o secretário, acrescentando que o município vem trabalhando a integração em todos os sentidos. “Por esse motivo convidamos os artistas da ASLE, e demais artistas locais, além de entidades tradicionalistas, visando fomentar o turismo e, ao mesmo tempo, valorizar os nossos expoentes culturais”, destacou.
Vando também salientou que há um projeto amplo de integração sendo realizado, bem mais abrangente, aglutinando todas as expressões da arte e da cultura do Município, tornando-se itinerante e sempre visitando uma entidade tradicionalistas. Para ele trabalhar o turismo perpassa a cultura, a gastronomia, e os agentes receptivos, além é claro da estrutura de recebimento do turista.

Rubilar Ferreira

Claudino de Lucca

Fábio Oliveira e Alma Campesina

O evento de encerramento no CTG contou com a participação especial de Fábio de Oliveira e Grupo Alma Campesina; Claudino de Lucca; Otávio Reichert, Rubilar Ferreira e Eduardo Maicá, além das danças tradicionais das invernadas e apresentações artísticas dos CTGs 20 de Setembro, Tio Bilia, Os Legalistas, CTF Cel. Aparício Borges e GDF Os Farroupilhas. Ainda, a participação do Núcleo Nômade de Dança e Pesquisa Parafolclórica Mi Tolderia, de São Miguel das Missões.
O evento de encerramento no CTG contou com a participação especial de Fábio de Oliveira e Grupo Alma Campesina; Claudino de Lucca; Otávio Reichert, Rubilar Ferreira e Eduardo Maicá, além das danças tradicionais das invernadas e apresentações artísticas dos CTGs 20 de Setembro, Tio Bilia, Os Legalistas, CTF Cel. Aparício Borges e GDF Os Farroupilhas. Ainda, a participação do Núcleo Nômade de Dança e Pesquisa Parafolclórica Mi Tolderia, de São Miguel das Missões.
Neste artigo

Participe da conversa