Maior festival de dança da região completa dez anos

Neste ano o Santo Ângelo em Dança completa uma década. Evento tem início no dia 25 e deve contar com mais de mil bailarinos

2388 0
Para esta edição, o evento bateu o recorde de incrições com mais de 235 coreografias escritas
Para esta edição, o evento bateu o recorde de incrições com mais de 235 coreografias escritas

O maior festival de dança da região das Missões completa 10 anos. Atraindo bailarinos de todo o país, o Santo Ângelo em Dança teve a primeira edição realizada em 16 de agosto de 2006 e desde então movimenta a rede hoteleira e gastronômica da cidade, pois, durante quatro dias, Santo Ângelo se torna a capital da dança no Rio Grande do Sul.
Neste ano, o festival será realizado entre os dias 25 a 28 de agosto, no Teatro Municipal Antônio Sepp.
Esta também é a edição recorde do festival, mais de 235 coreografias passarão pelo palco do teatro durante os dias de evento. Serão aproximadamente 50 grupos participantes e mais de mil bailarinos envolvidos, representando mais de 40 cidades brasileiras.

Produção
As inscrições para o evento encerraram no último dia 8. Segundo os organizadores, a produção do evento iniciou em janeiro deste ano e busca melhorar a cada vez mais. “Estamos fazendo a conferência dos materiais de cada grupo, para assim começar agilizar o trabalho de ordens de apresentação e passagens de palco. Esta é uma das etapas fundamentais para o andamento do evento.
Por fim, temos todo o trabalho de preparar o teatro para receber e acomodar todos os participantes durante a programação do festival”, destacou Roger Vogel.
O evento oferecerá oficinas de dança durante o dia e espetáculos noturnos. Os gêneros apresentados serão os mais diversificados.
O intercâmbio entre os participantes se traduz em oportunidades futuras. O corpo de jurados do evento é composto por nomes expressivos da dança, que vem ressaltando os talentos dos participantes. Nesta edição serão cinco jurados, vindos de São Paulo, Rio de Janeiro e Santa Catarina.
Os jurados serão Amarildo Cassiano, Priscila Ribeiro, Silvia Mello, Hebert Caetano, Igor Gasparini que durante o evento irão avaliar as apresentações.
Alusivo há uma década de evento, esta edição traz novamente para o palco os melhores trabalhos apresentados no decorrer dos 10 anos de Santo Ângelo em Dança. Serão aproximadamente de 10 a 15 coreografias convidadas para se apresentar.
O trabalho escolhido pelo corpo de jurados como a melhor aprrsentação durante os 10 anos do festival irá receber uma premiação de R$ 3 mil em dinheiro.
No total serão mais de R$ 20 mil em prêmios que os grupos estarão concorrendo durante os quatro dias do evento. O evento tem a produção executiva de Douglas Ravadielli, Coordenação geral de Henrique Talmah, e assistência de produção de Roger Vogel.
O Santo Ângelo em Dança tem o apoio: Equilíbrio Academia, Jornal O Mensageiro, Jornal das Missões, Hotel Debacco, loja Mama Baby, Prefeitura Municipal de Santo Ângelo e patrocínio de Hey Peppers Santo Ângelo.

PREMIAÇÕES

DANÇA ESTUDANTE:
Ens. Fund. I 1* lugar (Grupo): R$ 300,00
Ens. Fund. II 1* lugar (Grupo): R$ 500,00
Ensino Médio 1* lugar (Grupo): R$ 800,00
Dança Estudantil Municipal 1º lugar: R$ 300,00
Melhor Solo dança Estudantil: R$ 200,00
Melhor Duo Dança Estudantil: R$ 250,00
Melhor Trio Dança Estudantil: R$ 300,00
Melhor Quarteto Dança Estudantil: R$ 400,00

GRUPOS INDEPENDENTES
E ESCOLAS DE DANÇA:
Melhor coreografia infantil: R$ 500,00
Melhor coreografia júnior: R$ 700,00
Melhor coreografia sênior: R$ 1.500,00
Melhor coreografia avançada: R$ 2.000,00

PRÊMIOS INDIVIDUAIS:
Melhor bailarino: R$ 700,00
Melhor bailarina: R$ 700,00
Melhor coreógrafo: R$ 500,00
Bailarino revelação: R$ 400,00
Melhor trabalho coreográfico 10 anos: R$ 3.000,00
Melhor grupo do festival 2016: R$ 6.000,00

Neste artigo

Participe da conversa