A alegria da dança italiana faz escola e conquista reconhecimento

Os componentes do grupo de dança folclórica italiana “Terra degli Angeli”, mantido pela AMEI - Associação Missioneira de Etnia Italiana, está conquistando os palcos de toda a região...

56 0

Grupo de Dança Terra D'gli Angeli (Copy)A Dança Folclórica Italiana está sendo difundida e ganhando notoriedade nos palcos regionais. A AMEI – Associação Missioneira da Etnia Italiana com sede em Santo Ângelo mantém o grupo “Terra degli Angeli”. Composto por 20 jovens componentes na faixa etária de 8 a 15 anos que realizam apresentações em várias cidades do Rio Grande do Sul. No mês de outubro, com a coreografia Tarantella Napolitana, conquistaram o primeiro lugar na categoria dança folclórica no Festival Santo Ângelo em Dança, coroando um trabalho que já completou sete anos.
O Grupo de Dança Folclórica Italiana Terra degli Angeli foi fundado em maio de 2011 e é coordenado pelo coreógrafo Dionatan dos Santos. O grupo já abriu a programação do Natal Luz da cidade de Três de Maio, fez apresentações em cidades como Pejuçara, Ijuí, Cruz Alta, Chapecó, São Luiz e segundo a diretoria da entidade é o único grupo do gênero, no Estado, mantido exclusivamente com recursos deste tipo de entidade étnica.

Terra degli Angeli na Feaagri
Na tarde de sábado, no Parque de Exposições Siegfried Ritter, o grupo apresenta o resultado dos ensaios semanais para o público da Feaagri Missões e do Festival Cidade das Tortas. Será às 15h30min e uma oportunidade para quem ainda não conhece o folclore italiano e o trabalho desenvolvido pela etnia em Santo Ângelo. O grupo está inserido na Mostra Cultural da 9ª Feaagri e compõe uma série de apresentações que ocorrem no palco cultural do evento.

A AMEI
A alegria da dança e da música já faz parte da rotina dos encontros típicos que ocorrem na Casa da Etnia Italiana em Santo Ângelo. A sede fica no Parque de Exposições Siegfried Ritter e uma das marcas registradas dos italianos são os “Filós” encontros onde cada um leva um prato típico que é partilhado com os membros da casa com muita música, alegria e dança.
A Associação Missioneira da Etnia Italiana foi fundada em 1989, composta por um grupo de sócios e voluntários que trabalham em prol da valorização da cultura italiana nas Missões. A casa da etnia italiana possui um restaurante típico, uma cantina museu e ainda um coral adulto composto por 18 pessoas. O coral atua regularmente em missas locais, faz apresentações em palcos regionais e conta com a regência voluntária do Irmão Bruno Klein.

Preservando a cultura italiana
Outro destaque é para a preservação da gastronomia típica italiana. Na cozinha da etnia os próprios associados confeccionam a alimentação, preservando o tempero familiar e a procedência dos ingredientes que mais se assemelham às raízes dos colonizadores italianos.
Anualmente os membros da diretoria da associação realizam, pelo menos um evento totalmente beneficente, em parceria com clubes de serviços e destina toda a renda para entidades não governamentais existentes em nossa cidade.
A missão da associação é manter viva a cultura italiana por meio de eventos e da gastronomia típica, da música, dança e demais hábitos, proporcionando a valorização da cultura do povo italiano, um dos principais grupos étnicos formadores de nosso Estado. A associação oferece à comunidade e seus visitantes um ambiente de integração com as origens italianas e suas influências na região missioneira.
Durante a Feaagri estará ofertando jantares e almoços típicos na sede da Associação.

Neste artigo

Participe da conversa