Santo-angelenses diminuíram o ritmo, mas não pararam

Embora a maioria dos santo-angelenses mantenham a rotina sem alteração, o fechamento das agências bancárias e o cancelamento de aulas na rede estadual reduz o ritmo da cidade

176 0

Rotina da cidade durante o jogo da seleção brasileira 03A cidade diminuiu o ritmo, mas não parou totalmente durante o segundo jogo da Seleção Brasileira. O último confronto fez parte da fase de grupos e foi realizado na manhã de ontem dia 22, às 9h. O ritmo lento da cidade foi ditado pelo fechamento da rede bancária e o cancelamento das aulas da rede Estadual de Educação.
Nas ruas continuavam a circular ônibus, vendedores ambulantes, trabalhadores e a maioria do comércio estava de portas abertas.

Uma pesquisa realizada e divulgada pela ACISA, que consultou uma amostra de 39 comerciantes, demonstrou que 30% deles modificaram o horário de atendimento, mas o restante do comércio abriu normalmente.
O jogo foi contra a Costa Rica e a Seleção Brasileira venceu somente no finalzinho do segundo tempo, com gols de Coutinho aos 45 minutos e Neymar nos acréscimos, aos 51 minutos. O próximo jogo será na quarta-feira, dia 27, às 15h.

As escolas da rede pública estadual seguem as orientações de um decreto do Governo que determina que não terá aula no turno da tarde. Segundo a Secretaria de Estado da Educação (Seduc), a carga horária será recuperada posteriormente, conforme definição da escola.
Caso a Seleção Brasileira feche a primeira fase em primeiro lugar o próximo jogo será na segunda-feira, dia 2, às 11h. Se terminar a fase de grupo em segundo lugar a partida será na terça-feira, 3, às 11h.

Alteração na rede bancária

O próximo jogo será às 15h, contra a Sérvia e o atendimento ao público nas agências do interior, da capital e regiões metropolitanas será das 9h às 13h.
• Em dias de jogos às 9h, o atendimento ao público nas agências bancárias do interior, da capital e regiões metropolitanas será das 13h às 17h.
• Em dias de jogos às 11h, o atendimento ao público nas agências do interior, da capital e regiões metropolitanas será das 8h30min às 10h30min e das 14h às 16h.

Neste artigo

Participe da conversa