Homenagens a jovem assassinado cobrem a XV

Yago da Silva de Lima foi morto com tiros nas costas na rua XV de Novembro.

508 0

A Rua XV de Novembro serviu de mural para homenagear Yago da Silva de Lima, 27 anos. Ele foi vítima de um assassinato na noite de sábado, dia 27. O atirador usou um revólver calibre 32 e teria disparado dois tiros pelas costas. Yago foi conduzido ao hospital, mas não resistiu.
Poucas horas depois, o suposto autor dos disparos foi preso, mesmo assim, não se sabe quais os motivos que o levaram a tais disparos, pois ele permaneceu calado durante todo o interrogatório. Suspeita-se que o acusado, Jair de Oliveira, tenha problemas mentais, ou estaria sob o efeito de drogas, no entanto, o caso ainda está em investigação.

ESTE FOI O QUINTO ASSASSINATO DO ANO EM SANTO ÂNGELO
Janeiro: O primeiro homicídio do ano em Santo Ângelo aconteceu no dia 1º de janeiro. Por volta da 1h50min, um homem foi morto com golpes de faca no Bairro Sagrada Família. A vítima foi identificada como Juliano de Bastos Antunes de 24 anos, e teria sofrido as agressões após uma briga. Ele chegou a ser levado até o Hospital Santo Ângelo, mas não resistiu aos ferimentos.
Janeiro: Luís Fernando de Freitas Lemos, de 25 anos, foi atingido também por golpes de faca no dia 6 de janeiro, quando participava de um baile no Bairro Hortência. O homem foi levado ao HSA, ficou internado, mas não resistiu aos ferimentos.
Junho: Homem é morto em Santo Ângelo em plena luz do dia 1º de junho: Fernando Quaresma de 31 anos de idade foi morto a tiros no Bairro Sepé, na Zona Sul. Um suspeito se apresentou a Polícia Civil, que investiga o crime.
Junho: Mulher é morta em frente aos filhos por volta das 13h30min do dia 5 de junho. Luciele da Rosa Ferreira estava levando as filhas para a escola, quando foi atingida por disparo de arma de fogo na altura da cabeça. O crime ocorreu na Rua Antônio Rusiak, Bairro Radins. Um suspeito foi preso horas após o crime.

Homenagem a Yuri (Copy)

Neste artigo

Participe da conversa