COVID 19 causa a primeira morte em Santo Ângelo

Caminhoneiro notificado como positivo para o novo Coronavírus, faleceu na manhã desta quinta-feira no Hospital Santo Ângelo

527 0

Hospital Santo Ângelo - Boletim do novo coronavírusUNIMED - Boletim do novo coronavírusO caminhoneiro Milton Martins de Oliveira, 39 anos, residente no Bairro Neri Cavalheiro, que havia sido notificado como positivo para o novo Coronavírus na última terça-feira (28) pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Rio Grande do Sul (LACEN/RS) e se encontrava internado na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Santo ngelo (HSA) desde a sexta-feira (24), faleceu vítima da COVID-19, agravada por outras comorbidades.

A Secretaria Municipal de Saúde, o Comitê Temporário de Enfrentamento ao Coronavírus (CTECOV), e a 12ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRS), confirmaram que Santo ngelo registrou na manhã desta quinta-feira (30), a primeira morte por contágio pelo novo Coronavírus.

O motorista havia retornado recentemente do Estado de São Paulo, chegando a Santo ngelo no dia 21 de abril, feriado nacional, onde procurou atendimento na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), apresentando sintomas gripais e febre. Após a consulta, o paciente foi encaminhado para o isolamento domiciliar. Com a piora no estado de saúde, retornou à UPA na quinta-feira (23), data em que foi transferido para a internação no HSA, onde foi realizando o teste rápido tendo a subnotificação como negativo. Na sexta-feira (24) foi internado na UTI. No sábado (25), testou positivo para a COVID-19, com exame confirmado pelo LACEN na terça-feira (28).

A vítima era casada e pai de duas filhas, de 18 e 15 anos.


LACEN confirma os dois segundos casos de Coronavírus em Santo Ângelo

Ex-secretário municipal e vereador, Vando Ribeiro de Souza, e paciente que estava internada na Unimed foram confirmados pelo laboratório do Estado

O Laboratório Central de Saúde Pública do Estado do Rio Grande do Sul (LACEN) confirmou hoje (02) como positivo para o novo Coronavírus o exame do ex-secretário municipal de Turismo, Esportes, Lazer e Juventude, também ex-vereador, Osvaldir Ribeiro de Souza, o Vando, e da paciente de 66 anos que internou no último domingo (26) no Hospital Regional Unimed, e que ontem havia sido confirmada como positivo por meio de exame notificado pelo Laboratório de Apoio Álvaro do grupo Dasa.

As notificações oficiais do LACEN foram recebidas pela Secretaria Municipal de Saúde de Santo Ângelo no início desta tarde.

O ex-secretário procurou atendimento na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), na última quarta-feira (28), onde foi encaminhado ao Hospital Santo Ângelo (HSA) após apresentar sintomas respiratórios, onde ficou em isolamento e declarado como suspeito da Covid-19.

Com estes exames detectados como positivos, o município de Santo Ângelo registra agora três casos de Covid-19 confirmados pelo LACEN, contando com o paciente que veio a falecer na última quinta-feira (30).

Segundo o secretário municipal de Saúde, Luis Carlos Cavalheiro, quem teve contato com o ex-secretário Vando Ribeiro e com a paciente internada no Hospital da Unimed nos últimos dias deverá buscar o isolamento durante 14 dias, observando normas de proteção, evitando contato com as demais pessoas do grupo familiar, e caso apresente sintomas procurar a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) ou qualquer unidade de saúde do município. “As pessoas que tiveram contato com o paciente deverão permanecer durante 14 dias em isolamento, sempre com o uso de máscaras, luvas e higienização das mãos e, em qualquer sintoma apresentado, como febre, tosse, coriza, dificuldade respiratória, dor de cabeça, entre outros, deverão procurar atendimento médico, urgentemente”, disse.

Ambos os pacientes notificados pelo LACEN como positivos ao Coronavírus continuam internados no HSA e no hospital da Unimed, respectivamente e, segundo informações dos médicos que os acompanham, estão com boa evolução na unidade de internação.

Neste artigo

Participe da conversa