Convocação dos mesários iniciará na próxima semana

A convocação dos mesários que atuarão nas eleições gerais de 2018 inicia na próxima semana. Em Santo Ângelo são 200 seções. Em cada uma delas atuarão, pelo menos, quatro...

160 0

Urnas (26) (Copy) (Copy)A convocação dos mesários que atuarão nas eleições gerais de 2018 inicia na próxima semana. Em Santo Ângelo são 200 seções. Em cada uma delas atuarão, pelo menos, quatro pessoas: Presidente de mesa, 1º mesário, 2º mesário e secretário.
A 45ª Zona Eleitoral com sede em Santo Ângelo abrange os municípios de Entre-Ijuís, Vitória das Missões, Eugênio de Castro, Santo Ângelo, Vitória das Missões e São Miguel das Missões.
O presidente de mesa e o 1º mesário, além de receberem a carta de convocação também receberão as instruções para atuação no processo eleitoral 2018. O treinamento já está programado para o mês de setembro entre os dias 10 e 17.

Eleições Gerais
No dia 7 de outubro ocorrerá o primeiro turno das eleições, no qual o eleitor vota nos candidatos a Presidente da República; Governadores; Senadores e Deputados Federal e Estadual. Já o segundo turno está programado para o dia 28 de outubro, data em que os mesmos mesários atuarão, em caso de necessidade.

Transferência
temporária
A transferência temporária que permite o voto em trânsito, pode ser feita de 17 de julho a 23 de agosto, portanto inicia na próxima terça-feira. Vale lembrar que só serão disponibilizadas urnas para votação em trânsito em cidades com mais de 100 mil eleitores, como previsto na Lei Eleitoral.
O mesmo prazo vale para o eleitor com mobilidade reduzida, pois na prática, nem todos os locais de votação tem plena acessibilidade e o eleitor pode solicitar a transferência provisória de seção junto ao Cartório Eleitoral.
A Chefe do Cartório Eleitoral de Santo Ângelo, Marivani Gehm Gonçalves Medeiros explica que a mudança realizada de 17 julho a 23 de agosto é temporária. Caso o eleitor com mobilidade reduzida queira escolher um local que considere mais adequado para ele votar todos os anos, de modo definitivo, deverá procurar o cartório fora do período eleitoral e requisitar a transferência.

Restrições
Desde o dia 30 de junho as emissoras de Rádio e Televisão não podem transmitir programas apresentados ou comentados por pré-candidatos. Também estão suspensas publicidades institucionais de atos, programas, obras, serviços e campanhas dos órgãos públicos federais, estaduais ou municipais, ou das respectivas entidades da administração indireta, salvo em caso de grave e urgente necessidade pública, assim reconhecida pela Justiça Eleitoral.
Também está vedada a realização de inaugurações, contratação de shows artísticos pagos com recursos públicos, entre outras restrições, dispostas na Lei nº 9.504/1997.

A corrida pelo voto
Na prática a corrida pelo voto inicia em 16 de agosto, pois em 15 de agosto encerra o prazo para que os partidos políticos entreguem o requerimento de registro de candidatos a presidente e a vice-presidente da República.
Mesma data válida para os partidos políticos e as coligações apresentarem nos tribunais regionais eleitorais, até às 19h, o requerimento de registro de candidatos a governador e vice-governador, senador e suplente, deputado federal e deputado estadual.

 

Comunicado do Tribunal regional eleitoral

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Sul alerta que estão circulando e-mails em nome da Justiça Eleitoral com uma suposta convocação do eleitor para trabalhar como mesário, informando uma senha falsa para acessar documentos privados que contêm links maliciosos, os quais podem conter vírus de computador.
Também circulam e-mails falsos informando ao internauta que uma suposta ausência dele como mesário teria gerado o cancelamento de seu título de eleitor ou solicitando a atualização de dados cadastrais para a Justiça Eleitoral. Mensagens dessa natureza devem ser apagadas, pois também podem conter vírus.
Ressaltamos que o TRE-RS não envia e-mails a eleitores, salvo se expressamente autorizado pelo eleitor em formulário registrado no cartório.
E mais: o TRE-RS não autoriza nenhuma outra instituição a enviar e-mails em seu nome.

Neste artigo

Participe da conversa